quinta-feira, outubro 04, 2007

De que lado estou quando olho o outro lado?


Ou... melhor dizendo, o que é cá e o que é lá, este lado e o outro lado?!

Vem esta confusão em que me encontro a propósito do mais recente acordo ibérico sobre o terrorismo.

Acordo generoso, é certo!
Acordo necessário... provavelmente, que a gente não gosta nem de lembrar as bombas do MDLP e das FP 25, tal foi o desvario do momento...

Acordo estranho, quando se consegue entre a grande potência Ibérica, a toda poderosa castela governante e o pequeno estado terrorista, fruto dos talibãs do século XVII, quando levantaram armas contra o poder dos Filipes.

Terroristas reincidentes, pois já o mestre de Aviz tinha conseguido o mesmo feito: vergar Castela a um punhado de turras medievais e insistir na independência.

E o Afonso Henriques com as suas ideias libertárias?!
Olha a sorte dele! Se naqueles tempos houvesse tio Sam e Guantanamo ainda hoje Hablavamos Castelhano...
Ou azar o nosso! Quiçá!!!

Coisas da História que a História nos ensina!

Lá dizia o tio Júlio Verne nos seus livros proféticos: a independência de um povo não se trava... adia-se (numa versão livre que nem o diabo tem memória que chegue para citações à letra).

O acordo além do mais é bonito!

Até podia ser estendido a outras áreas...

A gente cá pela terra vigiava os etarras e os nuestros hermanos iam vigiando os corruptos trans-fronteiriços.

A mim parece-me bem!...

38 comentários:

vermelhinha disse...

Com a minha lerdice e distração, não sei de que raio de acordo estás a falar, mas com tantos acordos qualquer dia Portugal distraisse de uma assinatura de mais um acordo qualquer e está a ceder o pais ao vizinho (Espanha). E lá têm de subir o ordenado minimo nacional. LOL.

Beijos e desculpa-me a distração.

sonia r. disse...

De Espanha nem bom vento...

Marco disse...

Numa coisa estamos de acordo: não há acordo que nos salve! Isto é só a perspectiva de quem está do lado... de cá!

Francis disse...

Os espanhóis que se lixem! Vê lá se os merdas dos nossos governantes se lembraram de pedir que nos devolvam o pedaço de terra que nos pertence e que nos foi tirado pelas tropas de Napoleão!

Porque razão não devolvem eles o rochedo aos marroquinos, ou Ceuta ou Mejila ou lá o que se chama?

... e porque continuam pressionando o Reino unido para lhes devolver Gibraltar? Tanto que não colocam indicações do seu lado a dizer onde fica e fazem bloqueios permanentes à entrada desta península.

Devíamos invadir este país de corneteiros e empurra-los para o Pirinéus!!!

inês disse...

agora é me dizem...acabei de pagar um curso intensivo para aprender espanol!!!!

ando mesmo ceguinho destes dois!


bom fim de semana, grannnnnnnde

Marco Ferreira disse...

Vamos lá ver se com o acordo os terroristas não se lembram de nos punir também. Uma coisa é virem buscar os carros e explodir lá, outra é trazer de lá e explodir cá.

A ver vamos como ficamos.

marinheiroaguadoce a navegar

Lara disse...

hum cá p´ra mim com o acordo os terrores entusiasmam-se e ainda ganham um novo alento como se de um desafio se tratasse!
sempre ouvi dizer que "meias só nos pés e mesmo assim rompem-se"!
abraço

mixtu disse...

situação complicada para nuestros hermanos...
tanta gente a querer bater no a. henriques...

abrazo lusitano, pobre mas lusitano , yaya

Francis disse...

não percebi nada.
mas por mim entregava já esta merda ao gajos.

Andreia do Flautim disse...

Ainda há quem pense que somos uma província de Espanha!

O Guardião disse...

A prudência aconselhava a que o acordo não tivesse tido publicidade, e se agora começarem a haver atentados deste lado da fronteira, quero ver se há responsáveis por mais esta asneirada, que convém a Espanha, mas que pode ter consequências cá, sem que o problema seja realmente nosso. Será que os nossos ministros entendem algo de terrorismo, ou sequer tiveram treino militar e de segurança?
Cumps

Professorinha disse...

Espanhóis??? Nem vê-los.... Distância... Afinal a história ensina-nos muitos e não convém esquecê-la...


Fica bem

Mocho Falante disse...

é porque os etarras ao lado do valentim loureiro ou do Alberto João Jardim são uns verdadeiros anjos papudos

abraços

Jorge disse...

Sempre atento...

Hindy disse...

Bom fim-de-semana e beijinho hindyado

Teté disse...

Está bem que podiamos dançar mais salero, em vez de cantar o fado (do bandido ou outro). Mas não, prefiro ser tuga mesmo...

Viva o Afonso Henriques, o Mestre de Avis e esses talibãs do século XVII de que falas, que acabaram com o reinado dos Filipes. É pena não haver mais homens desse calibre, hoje em dia...

Um fim de semana à vossa maneira "infernal"!

J.G. disse...

Olha, tem piada! E a mim também!

Abraço escaganifobético.

zé lérias disse...

E a mim também me parece bem, meu bom amigo!
De que lado estão de facto os terroristas?
Do lado de quem vive mal, ou do lado de quem vive bem, por causar tanto mal?

Um bom-fim-de-semana prolongado para si, extensivo a todos os amigos do seu Blogue

al cardoso disse...

Anda por ai muito acordo secreto. Que "hispanholos" queriam e que alguns do nosso (des)governo gostariam, era disto se transforma-se num unico pais, mas parece que uma grande maioria nao concorda e eu estou incluido nesses.
Ja agora: viva o 5 de Outubro de 1143, dia em que reconhecidamente passamos a ser independentes!!!

Saudacoes monarquicas d'Algodres.

Kalinka disse...

Começo por desejar um excelente Feriado.
Na minha teimosia de fazer um 3º post sobre a letra F, faço destaque a um evento – A Real Regata das Canoas 2007, que decorre hoje - dia 5 de Outubro, entre a Moita e Belém, é um evento organizado pelo Centro Náutico Moitense e a Associação Náutica Sarilhense, com o apoio da Associação Náutica do Seixal, da Associação Náutica da Marina do Parque das Nações e das Câmaras Municipais das regiões ribeirinhas do rio Tejo. Juntos voltam a dar vida a uma tradição perdida, quando os reis ordenavam a celebração de uma regata anual em homenagem aos fragateiros. Existem 42 embarcações tradicionais inscritas que, irão soltar velas ao vento e disputar o título entre a praia do Rosário, no Concelho da Moita, e o Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa. Existem alguns varinos e fragatas municipais disponíveis para embarcar aqueles que queiram assistir à Regata bem de perto. Os privilegiados soltaram amarras às 11:00 de dia 5, na porta Tejo do Parque das Nações. Mas ainda restam muitas opções para apreciar este belo evento ao ar livre. Em terra, pode assistir à saída ao ferro da Praia do Rosário, no Gaio-Rosário (concelho da Moita), às 13:00, e à chegada à meta, no Padrão dos Descobrimentos, a partir das 14:30, a que se seguirá um espectacular desfile das embarcações. Fora de pé há sempre a possibilidade de seguir em barco próprio ou apanhar boleia de um dos muitos barcos na Associação Náutica da Marina do Parque das Nações, bem como de embarcar num cacilheiro Belém-Cacilhas-Belém.
Aceitas a minha sugestão?

Beijokas.

Ana disse...

Estou para ver o resultado!!!

mymind disse...

fizeram um acordo foi? hum... teorcamente td funciona, tou pra ver...
bm f-d-s
bjts

Diabba disse...

Desculpa... mas tu estás a fazer um elogio??

Tu não estás bem!

beijo enxofrado

White_Fox disse...

Que porra!!! Acabei de fazer um post sobre isso! Pior! A imagem é igual!
Andamos a pesquisar o mesmo no google, lol!

Peter disse...

"A gente cá pela terra vigia(va) os etarras e os nuestros hermanos vão (iam) vigiando os corruptos trans-fronteiriços."

Parece-me um bom Acordo (de princípios).

poca disse...

os espanhois podiam é ensinar os portugueses alguma coisinha sobre economia.. que por lá parece-me a mim, que sei pouco de politicas.. vive-se melhor!

adrianeites disse...

Eu desconfio sempre das intenções espanholas..

a história mostra-nos isso..

a experiencia dos acordãos/parcerias/contactos com empresas espanholas confirmam!

cp's

Saulus Lupus Lunae disse...

Espanhóis, a quanto nos obrigam. Qualquer dia estão de malas aviadas para entrar no nosso país e tomar aquilo que sempre desejaram... o enclave da costa atlântica. Hummm, não gosto dele e gostaria de saver porquê!!!

Casemiro dos Plásticos disse...

estes espanhois andam com alguma na manga mas a ver vamos...
abraço

Miudaaa disse...

Já te tinha dito que estive para escrever em cima da bandeira espanhuela??? PARABENS???

;-)
Coisas de miudaaa...

... e ainda nao falamos espanhol??? olhaaa que já falamos muito mais do que nos possa parecer...

Um Beijo da miudaaa

O Profano disse...

A invasão espanhola começou lentamente, e nós fechámos os olhos a ela...

É comprar na Zara, Mango, corte inglés...

Mas disto ninguém se queixa...


abr...prof...

Amsilva disse...

não sei a que ponto o acordo poderá ser benéfico para Portugal, mas piorar a situação não vai de certeza.
não condenem os etarras sem perceber primeiro a luta deles, lutam embora que hoje me dia não da melhor maneira e com desvios, e alguns atentados não foram reconhecidos por eles, o que não os torna responsaveis por eles, não haverá a duvida de alguem tentar actuar em nome deles? vê a historia de atentados e as suas vitimas, descobre o que essas "vitimas" faziam ao povo, separa etarras de batasunas, os "etarras" apenas tentam defender a independencia que por força lhes tiraram, o mais antigo país assim como lingua (procura euskera), mais antiga anida que o latim, por falar em acordos, os ingleses que cumpram com eles e que devolvam Gibraltar, Mejilla é e será espanhola, o rochedo, já era espanhol, o rei marroquino é que se lembrou de o invadir...

Portugal sim e o governo pessoalmente tem muito a aprender de economia com Espanha, afinal nos ultimos 15 anos foi o país da europa que mais evoluiu, sim tambem teve subsidios como todos os outros, corrupção?!? é mais condenada por Espanha, ou como se diz por Espanha: tambem roubamos, só que em menor quantidade...
talvez se em Portugal se tivesse aproveitado os subsidios para o efeito a que vinham e não em BMW's passe publicidade.

estou por Espanha há alguns anos, sou e serei sempre português, mas aprendi muito desde que para cá vim

essa teoria de que de Espanha nem bom vento nem bom casamento, deve ter falhado algures na historia, ou o vento mudou...

Sofia disse...

Obrigada pelas revisões da história, mas lá até nem se vive mal, por isso proponho que o próximo post sejam revisões de economia, boa?! ;)))

Agora a sério, 1ª vez neste blog... muito bom, gostei bastante e pretendo voltar amiúde! Se me quiseres visitar, serás bem recebido!

PintoRibeiro disse...

Eu ando sempre de dieta mas alinho.
Vim ver os amigos.
Abraço.

Petrusednem disse...

Este acordo era e é necessário.
É que quando menos esperar-mos temos cá os Bascos Terrorristas instalados...
Espero bem é que agora o acordo passe à pratica e consigam aniquilar de vez os passos desses etarras, aqui e em todo lado!

amigona avó e a neta princesa disse...

Passei para te deixar um abraço...

Catarino disse...

Ola...
Voltei....
Acho eu!!!LOL
Ainda não deve ser defenitivo...
Mas tenho novo post....
Abraço amigo

filomeno2006 disse...

Belcebú.....¿Por qué no te callas?