terça-feira, junho 05, 2007

Mas afinal...qual é o nosso papel?

Quando as questões ambientais começam a constar finalmente, das nossas principais preocupações, quando as DPOC`s são já tão curriqueiras, como simples micoses incómodas mas banais, eis que soam os trompetes!

Em 2006, a França decidiu que os envelopes e os boletins de voto de todas as eleições, passavam a ser obrigatoriamente em papel 100% reciclado. Uma medida que corresponde a poupar o abate de 200 mil árvores!
Sendo sodomizados diariamente (salvo seja), por publicidade às carradas nas nossas caixas de correio, com cartazes e propaganda política em tudo quanto é parede, impressos e mais impressos em toda a máquina burocrática do estado, não será tempo de regulamentar?

Ou será que num país governado por um ex-ministro do Ambiente, a sensibilidade ou a vontade política, não é suficiente para enfrentar outros interesses bem mais poderosos?

eheheh!! Coisas que o inferno não entende!

59 comentários:

peace_love disse...

Tens um desafio lá no meu cantinho!!!

PintoRibeiro disse...

Bom dia e abraço, com pouco tempo.

Sol disse...

Coisas que o inferno até entende bem, não?!! :)

Boa semana.

migvic disse...

Está toda a gente a cagar para esse assunto, a cena é essa.

Grande som.

Cláudia disse...

Se o inferno não entende... agora imagina aqui a malta :P
Beijinho

Sulista disse...

Tudo fachada. O problema terá que ficar ainda mais à vista, tocar na vida de cada um de nós, para os políticos se mexerem...se é que alguma vez se vão mexer senão para se salvarem a eles...

Diz-se há mt que a 3ªguerra terá a ver com a falta de água e não, com as questões que agora se põe entre o mundo arábe-EUA-etc.


Estamos um bocado em colapso por aqui, com esta música hein?...Alma até Almeida!

;-) Bjs

Luciana disse...

Infelizmente pouca gente se importa com o meio ambiente, seja árvores, seja água seja o que for. O pensamento, se é que o há, é que hoje há quando não houver logo se vê.
A França esteve muito bem, embora haja tanta coisa para mudar, já começou por um lado, agora é só continuar! Nós por cá é que continuamos como a lesma, sempre na mesma!
Beijocas

vermelhinha disse...

A malta lá em casa recicla tudo e depois andam os politicos a fazer das suas, enfim.

Beijos

Ana disse...

Porque é que ele há-de tar a preocupar.se com o ambiente???? Daqui a uns anitos já não tá cá!!!

asdrubal tudo bem disse...

e os papeis que se usam nas bombas de gaolina para não sujar as mãos e nas casas de banho para secar as mãos (bem já agora alguns dos ministros de castigo deviam ser proibidos de usar papel higiénico e serem obrigados a limpar com o dedo e depois lamber,

Rita disse...

Então, estás a queixar-te? Não queres papelinho aí para o Inferno para ajudar na fogueira???

Lua disse...

O nosso 1º ministro tem mais coisas com que se preocupar como por exemplo " Andar a roubar-nos a todos"

beijinhos

Caracolinha disse...

Noto com algum agrado que foi V.Exa o meu grande amigo dos infernos contemplado com o Premio do Blog com Tomates ... ora muito apraz até porque acho sinceramente que lhe assenta que nem uma luva ... aqui fala-se direito e sempre de coisas sérias com uma pitada valente de humor corrosivo que tanto faz as delícias aqui da molusca !!!!

E este post não é excepção !!!!

Começando pela excelente foto que o ilustra e acabando nas tuas palavras sempre tão assertivas ... as unicas coisas que eu vou vendo publicasa em Diário da República são inúmeros "tachos" para familiares e amigos ... ora se já estamos huma de tachos, pode ser que um dia chegue a vez do papel ...

Vivemos numa anedota, resta-nos continuar a rir ...

Beijoca encaracolada p'a ti amigo dos infernos !!!!

Caracolinha disse...

Noto com algum agrado que foi V.Exa o meu grande amigo dos infernos contemplado com o Premio do Blog com Tomates ... ora muito apraz até porque acho sinceramente que lhe assenta que nem uma luva ... aqui fala-se direito e sempre de coisas sérias com uma pitada valente de humor corrosivo que tanto faz as delícias aqui da molusca !!!!

E este post não é excepção !!!!

Começando pela excelente foto que o ilustra e acabando nas tuas palavras sempre tão assertivas ... as unicas coisas que eu vou vendo publicasa em Diário da República são inúmeros "tachos" para familiares e amigos ... ora se já estamos huma de tachos, pode ser que um dia chegue a vez do papel ...

Vivemos numa anedota, resta-nos continuar a rir ...

Beijoca encaracolada p'a ti amigo dos infernos !!!!

NiNa disse...

Esta imagem tá estupenda! Vale por mil palavras ou mais...
A verdade é que estando nós no século XXI pra quê o recurso abusivo ao papel? Mesmo quando o sistema está minimamente informatizado, eis que para confirmação nada melhor que recorrer ao belo do papelito, não vá o diabo (:P) tecê-las!!! Em propaganda, por mto que tenha na caixa de correio "publicidade aqui não" ela (desconfio!) cresce por geração espontânea e assim termina, como sempre, no contentor da reciclagem (Estranho ciclo de vida este!)
Beijocas recicladas :P

Skin on Skin disse...

Questão pertinente...mas ninguem liga...não somos nós agora que vamos sofrer mas as proximas gerações...digo eu!
Odeio a publicidade na caixa do correio! Ápre que é demais! ;)

Beijokas on skin

Marta disse...

Também não era mal pensado baixarem o preço do papel reciclado! :)

Anónimo disse...

e era tão fácil de resolver estes problemas?
Mas é ainda mais atraente encher os seus bolsitos enquanto podem... e a ecologia não enche muito!!

Carmen

Meg disse...

Ó meu querido Belzebu, então mas depois, com tanta árvore, como é que eles construíam? Tinham de deitar tudo abaixo, por isso é que se institucionalizou a época dos fogos, não será?
Os fogos são como os saldos... com data marcada... claro que há sempre uns recalcitrantes, fora do prazo... mas isso que importa?
Se até os sobreiros vão para o espaço.
Vá lá um abraço

marco disse...

reciclar é prolongar a nossa vida, precisamos de viver ate aos 100 anos! abraço|!

o guardião disse...

A imagem é bem elucidativa e o tema está na ordem do dia. A responsabilidade é de todos nós e, todos podemos contribuir com os gestos simples de poupar energia, água e outros recursos, o que até nem é difícil. Quem manda, bem aí já a porca torce o rabo, porque ecologia e ambiente só quando se fala de mais taxas ou de gordos subsídios.
Abraço

Gi disse...

Não percebes tu e não percebemos muitos aqui deste lado. Agora percebo porque escolheste esse nick, a vida na terra está a tornar-se um inferno.

A imagem já a guardei, está espectacular.

beijinhos ,

SA disse...

realmente... e esse novo crime ambiental que anda por aí... que não ha dia que não tenha a caixa de correio forrada com as promoções dos supermercados. ja chega!

Andreia do Flautim disse...

Pois, ninguém entende!

wind disse...

Não entendes tu, nem eu e acho que ninguém que se importe com o Ambiente!
Mais um bom post, com uma deliciosa imagem:)
beijos

Diabba disse...

O grande problema nem é deste canteiro à beira mar plantado, o problema é não haver sensibilidade mundial para preservar o futuro.
Vive-se o imediato, quem vier atrás que feche a porta.
Pena tenho eu, pois vai ser a diabba-filha a levar com a porta que nós não quisemos fechar!

beijo d'enxofre

Su disse...

nós não preservamos..
.tossimos:)))))))))

jocas maradas...cof..cofff

CORCUNDA disse...

Acho bem começarmos a pensar e a agir seriamente nesta matéria sob pena de aqui a uns anos, talvez não tantos assim, irmos parar todos ao INFERNO...
Abraço diabólico!

Pipinha disse...

nem o inferno nem eu! é o género de "publicidade aqui não"! Besitos!

Peste disse...

olha... o meu papel e todos esses papeis de campanhas e afins são todos o mesmo...

papel higiénico...

Barão da Tróia II disse...

Mais uma grande mentira ddestes nosos tempos, ao Ambiente todos falam mas ninguém liga peva essa é que é essa, o cifrão vem primeiro, boa semana.

Isabel-F. disse...

tens toda a razão ....

e

"Ou será que num país governado por um ex-ministro do Ambiente, a sensibilidade ou a vontade política, não é suficiente para enfrentar outros interesses bem mais poderosos?
"

vontade de legislar há sim ... desde que seja para meter a mão no nosso bolso ...


bjs

Carracinha linda! disse...

em termos de medidas de protecção do nosso ambiente, este nosso país ainda tem muito que fazer!

Moura ao Luar disse...

Nem mais, ora aí está uma boa questão

Lúcia disse...

quem devia dar o exemplo, não o faz.
e temos nós que pegar em sacos de vidro, sacs cheios de papel, para levar para o eco-ponto. e que fazem depois àquilo tudo que acartamos todos os dias?

J.G. disse...

BELZEBU:

..e se o Inferno as não entende, como as vão perceber os miseráveis terrenos que por cá fazem prodígios de equilíbrio em duas patas?
Para quando a abolição dos incomensuravelmente irritantes sacos de plástico?
Para quando a reciclagem dos poluentes políticos desta cavernosa Terra?

Um abraço com falta de ar desde esta falha da Criação.

Jorge G

mymind disse...

nem eu entendo!
bjos :D

eu mesma! disse...

e depois há uns gajos escolhidos por esse tal que se diz engenheiro que não querem usar papel reciclado porque não é branco imaculado! p.q. os p.!

conchita disse...

A imagem está bem conseguida, mas é preciso muito para perservar o ambiente, e isso não é facil, muita coisa teria que mudar.
Bom feriado :)

Lara disse...

Perdoem-me a linguagem que se segue mas nós andamos muitas vezes envoltos em burocracias que mais parece merda agarrada aos pés e depois quando de facto é preciso não se faz lá está merda outra vez!

Diabólica disse...

uma questão sem dúvida pertinente a tua.
Mas, já os Portugueses. Impera a política do deixa andar....isto é enquanto houver há, dp logo se vê.

É a porcaria do pais q temos a funcionar no seu "melhor".

E segundo muitos políticos a ideia é quem vier atrás que feche a porta.

Mas, nós aqui no inferno sabemos bem o q se passa!!!!

Esta foi só uma sondagem de opinião, para sabermos, se p além de nós alguém mais sabe, n é???!!!!
LOL

Beijinhos.

Rafeiro Perfumado disse...

A hipocrisia reina, meu caro amigo. Olha para a a FNAC, que na quinzena da natureza continua a dar o belo do saco de plástico! Falam, falam mas não fazem (quase) nada!

EMN disse...

Não entende o inferno, o céu e o universo inteiro.

Estamos cada vez mais necessitados de medidas extremas quando toca ao nosso AMADO ambiente. A nossa Mãe Natureza precisa de carinho.

Apetece-me gritar.......

beijo

emn***

Zé Povinho disse...

O nosso papel será o de pessoas responsáveis, se assim nos sentirmos. Não podemos esperar grandes coisas de quem nos governa (mal por sinal) nem dos "donos do mundo", os do G-8 porque nunca se vão entender até que seja tarde de mais.
Abraço

Catarino disse...

Muito bem, uma preocupação ambiental bem fundamentada...
De facto, quando se chega ao poder, as prioridades mudam, sendo que passa a estar em primeiro plano agradar aos mais poderosos, e esse não querem saber do ambiente...
Um abraço
PS: Passa no meu blog e vê o comment que te deixei, algo me diz que vais querer responder ;)

A mão que escreve disse...

concordo plenamente...
para já não falar dos exames das escolas e universidades... assim como o material escolar á venda nas escolas...
afinal sempre se poupavam muitas florestas...
Só ainda não compreendi porque é que o papel reciclado é mais caro que o papel branco....

Klatuu o embuçado disse...

O melhor é reciclar logo o país! :)

Just an ordinary girl disse...

A música: adoro!!!

É melhor fazer algo, mesmo que mt pouco, de útil, seja pelo que for, do que não fazer nada de nadaaaaaaaaaaa.

Beijo!

Francis disse...

O papel dos portugueses é do nhurro ignorante e ignóbil.
A luso-estupidez já está enraizada na nossa herança cultural e portanto... oh, pá, Só os maricas é que reciclam!

PintoRibeiro disse...

Estou a acordar.
Bom feriado K'mrd, abraço.

Just Me...S disse...

E quem escreve assim não é gago!!! Hehehehe

Beijos

papagueno disse...

Parece que o posto de ministro do ambiente foi só um trampolim deste engenheiro da tanga para chegar ao poder.
O ambiente em Portugal não é mesmo para entender.
Um abraço aí para os infernos.

papagueno disse...

Já agora, "ganda malha" dos Pink Floyd.

Meg disse...

Ai, Belzebu, se é música desta que serves aí nas profundezas, quero que me reserves um bom lugar aí nas profundezas...
Que maravilha, para um Belzebu!
Rock Sinfónico...
Um abraço musical

Meg disse...

Vi logo que era muita fartura... fiquei para ouvir e foi-se...
Não é justo, o que é normal, AQUI
Um abraço

J.G. disse...

Ó BELZEBU, conheces algum remédio eficaz contra as melgas?

Desculpa lá perguntar neste espaço mas é que me lembrei assim de repente e como estava aqui...aproveitei.

Um abraço de cima de uma árvore.

Alien8 disse...

Nem o Inferno, nem aqui o je....

Saudações alienígenas!

Å®t_Øf_£övë disse...

Belzebeu,
Deviam regulamentar que há coisas que nem em papel reciclado deviam poder ser impressas, como é o caso da publicidade que diáriamente entope as nossas caixas de correio, e a propagando política que dá às cidades um aspecto que parecem estar sempre sujas.Proiba-se já este tipo de coisas. Estou contigo nesta campanha.
Abraço.

MariaTuché disse...

Muito bem pensado meu amigo Belzebu, eu cada vez que chego ao meu correio só me apetece esganar os putos coitados dos desgraçados que ganham mal e porcamente mas que chegam a "enfiar" 2 ou 3 publicidades da mesma porcaria e a caixa fica cheia de 2 em 2 dias fónixxxxxxx.

Beijinhossssss